Pin It

Sistema de diferencial – Tração

Sistema de diferencial – Tração

Olá tudo certa ai??? Vamos falar hoje aqui, a respeito do Sistema de diferencial – Tração um sistema muito importante.

Os carros atuais são maquinas sofisticados que promovem o máximo de conforto aos usuários e o maior aproveitamento possível da energia gerada pelo motor.

Atualmente existem duas tendências de arranjos mecânicos para o chamado trem de força (power train).

Motor dianteiro com tração traseira do sistema de diferencial

Nesse sistema, o caminho da força inclui o motor, embreagem, transmissão, árvore de transmissão (cardano), eixo traseiro (diferencial) e rodas.

Este sistema apresenta como vantagem, a melhor capacidade de tração em morros e a forma de puxar reboques, além de possibilitar o uso das rodas traseiras, para evitar derrapagens.

Sistema diferencial - Tração

Motor dianteiro e tração dianteira do sistema de diferencial

Com a ausência da árvore longitudinal, é possível eliminar uma série de perdas, aproveitando melhor a potência do motor.

A maior vantagem deste sistema é a compactação dos conjuntos mecânicos, o que faz com que tenha mais espaço interno do carro para um mesmo tamanho externo.

Como deve se comportar um mecânico de carros?

Além disso, o fato de as rodas serem controladas dá ao carro uma tendência de direção muito comoda para os condutores dos veículos.

Cambio de marchas e embreagem motor dianteiro e tração dianteira

Sistema de diferencial e suas funções

O trabalho do diferencial e duro, ele deve aumentar o torque (ou a força).

Transmitido pelo motor através de mais uma redução da rotação do motor, mudar a direção desta rotação, para fazer girar os eixos das rodas (se a tração for traseira).

E por fim, permitir que cada eixo gire com velocidades diferentes em curvas, já que nelas a roda externa percorre um caminho maior que a interna.

A primeira tarefa é feita por duas engrenagens que trabalham acopladas, mais conhecidas como par de coroa-pinhão, que ficam na parte externa da caixa do diferencial (ou caixa de satélites).

A segunda tarefa é feita pelo segundo jogo de engrenagens, as satélites e planetárias, que cria o efeito de diferentes rotações entre as rodas durante as curvas. Por isso do nome diferencial.

A redução do diferencial, encontrada normalmente nas especificações dos veículos, é a divisão do número de dentes da coroa pelo de dentes do pinhão.

Por exemplo, se o pinhão possui nove dentes e a coroa 37, a redução do diferencial é 37/9 = 4,11 ou 4,11:1.

O diferencial é chamado curto, quando sua redução é maior.

Ao contrario disso denomina-se longo. O diferencial curto proporciona maior força transmitida às rodas, com um diferencial longo, se obtém mais velocidade.

Como funciona o conjunto sistema de diferencial

Quando o carro começa uma curva, a roda interna da curva deve percorrer um caminho mais curto que a roda externa.

Neste momento, um dos eixos de saída gira menos, bloqueando a planetária que é ligada a ele.

Os satélites giram sobre seu eixo e transmitem à outra planetária a rotação que deixou de ir para o lado interno da curva.

Toda a rotação que sai da transmissão chega ao pinhão (1), que faz
girar a coroa (2).

Esta fica muito apertada à carcaça da caixa de satélites (3), o que quer dizer que a caixa de satélites tem sempre a mesma rotação da coroa.

Enquanto o carro está em linha reta, toda a rotação que vem da coroa arrasta o eixo das satélites (4), e estas (5).

São transportadas pelo movimento de seu eixo, sem contudo girarem em torno dele (sem movimento de rotação).

Diferencial e suas funções

 

Interessante não é mesmo?

 

Aproveito o máximo o conteúdo publicado aqui no blog

 

Um forte abraço e ate a próxima!!!

E-BOOK GRATUITO "5 PASSOS PARA SER UM BOM MECÂNICO AUTOMOTIVO"

E-BOOK GRATUITO "5 PASSOS PARA SER UM BOM MECÂNICO AUTOMOTIVO"

Baixe seu E-book grátis agora mesmo, e faça parte de atuais e futuros profissionais no ramo automotivo que estão decididos a ser melhores a cada dia que passa.

Não enviamos spam. Seu e-mail está 100% seguro!

Sobre o Autor

Gabriel Campos de Bastiani
Gabriel Campos de Bastiani

Formado em Técnico em Sistemas Automotivos (CREA:221020452-6) e espero trocar conhecimento com todos aqueles que gostam do ramo automotivo, e pretendem montar seu próprio negocio no ramo ou aperfeiçoar seu conhecimentos.

0 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.